Foi Dessa Forma que eu Removi Bolinhas Brancas no Rosto!

O milium, também chamado de mília, ou simplesmente bolinhas brancas, é uma alteração da pele em que surgem pequenos cistos ou pápulas de queratina, de cor branca ou amarelada, que afeta a camada mais superficial da pele. Esta alteração pode ser causada pela exposição excessiva ao sol, uso de produtos para a pele à base de petróleo ou pode aparecer em bebês devido ao calor.

Geralmente, o milium surge nas regiões da face, como no nariz, olhos, bochechas e atrás da orelha, mas podem aparecer no pescoço, mãos, costas e, em casos mais raros, no couro cabeludo, dentro da boca e nas partes íntimas. As pápulas de milium podem provocar coceira, no entanto, na maioria dos casos não ocorrem outros sintomas e nem causam outros problemas de saúde.

Elas não são perigosos para a saúde, então você não precisa se preocupar, mas é puramente estético. Eles são muito comuns em recém-nascidos, muitas vezes desaparecem em poucas semanas, mas podem afetar pessoas de todas as idades. Nos adultos, a condição pode persistir por meses, até anos.

O problema ocorre quando a pele não consegue remover as células mortas, fazendo com que os poros fiquem obstruídos. Pode ser causada por fatores como o uso de produtos pesados ​​para a pele, danos causados ​​pelo sol, ferimentos provocados por bolhas e o uso prolongado de cremes esteroides.

Causas das bolinhas brancas:

As causas do milium ainda não são totalmente conhecidas, mas acredita-se que surge devido à uma degeneração das fibras elásticas da pele e das células que produzem a queratina provocadas pela exposição excessiva aos raios ultravioletas do sol. Em bebês recém-nascidos, o milium é uma condição muito comum que pode surgir ao nascimento ou por causa do calor, sendo que nestes casos, as pápulas tendem a desaparecer sozinho.

Alguns tipos de milium podem aparecer na pele por causa de queimaduras que formem bolhas, uso de pomadas com substâncias, como hidroquinona, corticoides e petróleo, e outras doenças associadas, como pênfigo, porfiria, lúpus eritematoso e líquen plano.

Como tirar as bolinhas brancas:

Para tirar as pápulas causadas pelo milium é importante consultar um dermatologista, pois é o profissional recomendado para fazer a retirada com agulhas e que poderá indicar outros métodos de tratamento, que podem ser:

1. Limpeza da pele:

A melhor forma de retirar milium da pele, que sejam pequenos e em pequena quantidade, é fazer uma limpeza de pele profunda com auxílio de um esteticista, pois isto naturalmente fará com que as pápulas estourem e sejam eliminadas.

Não é recomendado tentar retirar os cistos de milium como se fossem espinhas ou cravos e nem com agulha em casa, pelo risco de corte, feridas e de infecção, o que pode piorar as lesões na pele.

Também deve-se manter os cuidados diários como limpar a pele com água morna e sabonete anti-oleosidade, usar loções tônicas e hidratantes, além de aplicar filtro solar diariamente, pois essas medidas podem ajudar a reduzir o milium e evitar que aumentem.

2. Pomadas e remédios:

O médico poderá recomendar o uso de pomadas antibióticos, como o Nebacetin, se junto com o milium tiver alguma infecção na pele, porém podem ser indicados pomadas à base de retinóides ou ácido retinóico, para eliminar os cistos de milium.

Os remédios raramente são receitados para o tratamento de milium, no entanto, alguns tipos de antibióticos, como a minociclina, são indicados pelo médico apenas em situações em que as lesões na pele causam infecções muito grandes, levando a vermelhidão e inchaço na pele do rosto, por exemplo. Em alguns casos, o médico ainda pode indicar tratamentos com laser ou crioterapia.

Tratamento para bebês:

Os pontinhos brancos de milium também são comuns no bebê recém-nascido, devido a retenção de gordura na camada de pele, porém desaparecem dentro de alguns dias, sem ser necessário qualquer tipo de tratamento específico.

Nos bebês, os grãos de milium, como também são conhecidos, geralmente aparecem no verão ou em dias muito quentes nas primeiras semanas de vida do bebê, ou durante um episódio de febre. Como o suor não consegue passar por estes poros, as regiões da pele, como o nariz e bochechas, podem ficar com aparência bolhosa, cheias de líquido, que se rompem com facilidade.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*